Política

Inaugurada ontem academia especializada em segurança

O Chefe de Estado, João Lourenço, inaugurou ontem, em Luanda, a Academia de Ciências Sociais e Tecnologias, que vai ministrar cursos de mestrado e doutoramento aos quadros do sistema de segurança e inteligência do Presidente da República.

Fotografia: DR

Localizada no bairro Camama Norte, município de Belas, a academia foi criada há três anos, por Decreto Presidencial, e está sob tutela do Serviço de Inteligência Externa (SIE), dependendo directamente do Titular do Poder Executivo e Comandante-em-Chefe das Forças Armadas Angolanas (FAA).
O director-geral desse estabelecimento de ensino, José Luís Caetano de Sousa, informou que o projecto visa formar os quadros de outras instituições estratégicas do Estado angolano que, fruto das suas atribuições, lidam com organismos estrangeiros. Na academia serão ainda ministrados cursos de mestrado em Globalização e Segurança, Direito e Segurança Externa, Economia e Finanças Internacionais, Segurança de Redes de Comunicação, bem como de pós-graduação em Inteligência Estratégica e Inteligência e Estudos de Segurança. Línguas inglesa, francesa e regionais, como o lingala e o swaili, fazem igualmente dos cursos a serem leccionados.
A instituição castrense prevê, ainda no âmbito da cooperação com os serviços homólogos da região, a formação de especialistas, incluindo em língua portuguesa. Dentro de três anos, a instituição estará aberta ao público, já com cursos de doutoramento, como forma de aumentar a sua rentabilidade, disse o director-geral. Neste momento, 161 mestrandos estão a frequentar três cursos, com duração de dois anos.

Tempo

Multimédia