Política

Jovens são exortados a apostar na informação

Fula Martins

O presidente do Movimento de Apoio Solidário de Angola (Movangola), António Sawanga, disse ontem, em Luanda, ser fundamental à sociedade, aos jovens em particular, prestarem maior atenção aos fenómenos políticos e sociais em curso no país, com realce às autarquias.

Presidente da Movangola, António Sawanga
Fotografia: Benjamimi Xavier | Edições Novembro

António Sawanga, que falava durante as jornadas sócio-comunitárias da sociedade civil, disse, ainda, ser preciso maior trabalho de sensibilização da população quanto à realização, no próximo ano, das primeiras eleições autárquicas, de forma que estes saibam como podem participar activamente neste processo.
António Sawanga considerou que a realização das jornadas sócio-comunitárias é resultado de uma resposta positiva da sociedade civil em abraçar o apelo do Titular do Poder Executivo sobre a necessidade da moralização da sociedade. “A isso acresce a participação activa no processo das autarquias e no combate à corrupção, nepotismo e à impunidade, além das políticas públicas para a erradicação da fome e da pobreza.”
Já o deputado e membro do Comité Central do MPLA Mário Pinto de Andrade pediu aos cidadãos do município de Luanda para se manterem informados e serem partícipes activos na implementação das autarquias, previstas para o próximo ano.
O político dissertava sobre o tema “A participação activa da sociedade civil no processo das autarquias e a sua implementação gradual a nível dos municípios”, num encontro com munícipes de Luanda, promovido pelo Movangola.
“É preciso mobilizar mais a sociedade civil no processo de implementação das autarquias, para estar atenta na avaliação dos programas dos futuros candidatos às autarquias, evitando que sejam enganados”, disse Mário Pinto de Andrade, para quem também é indispensável elevar o nível de escolaridade e a capacidade económica da população, bem como apostar no desenvolvimento sustentável.

Tempo

Multimédia