Política

Masfamu apoia famílias vulneráveis no Bengo

Alfredo Ferreira| Bengo

A ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Faustina de Almeida Alves, recomendou na quinta-feira, em Caxito, Bengo, a execução de projectos sociais na região, a exemplo da loja “Kikuia”, para apoiar as famílias mais vulneráveis.

Fotografia: Edmundo Eucilio | edições novembro

Em declarações à imprensa, Faustina de Almeida Alves explicou que o Centro de Acção Social Integrado (CASI) em construção na província vai atender pessoas que necessitam de apoio para solução dos seus problemas (registo de nascimento e Bilhetes de Identidade). A ministra também visitou a localidade dos Paranhos (Dande), onde se inteirou da vida das populações, na maioria antigos militares.
Para as 76 famílias registadas em Caxito, incluindo crianças com doenças congénitas, foram emitidos 55 cartões da loja "Kikuia", com o valor mensal de dez mil Kwanzas. Para a loja da comuna do Úcua foram cadastrados 144 idosos.
Em funcionamento desde Outubro do ano passado, as lojas oferecem cestas básicas a idosos e crianças com doenças congénitas.

 

Tempo

Multimédia