Política

Ministério reafirma apoio à mulher rural

Elautério Silipuleni |

O envolvimento do Executivo na promoção de políticas públicas de apoio ao desenvolvimento e inclusão social das mulheres rurais e comunidades mais vulneráveis foi ontem preconizado pela ministra da Acção Social e Promoção da Mulher, na localidade de Kamikula, município do Cuvelai, Cunene.

Mulheres rurais continuam entre as prioridades do Executivo
Fotografia: Edmundo Eucílio | Edições Novembro

Durante a sua estada no Cunene, Victória da Conceição constatou no município da Cuvelai o grau de execução do projecto-piloto de produção de mel, tendo recebido das autoridades locais e da sociedade civil explicações detalhadas sobre este projecto-piloto, concebido para gerar rendimentos próprios às comunidades.
Victória da Conceição considerou "bastante ambicioso" o projecto que serve de referência aos desafios da municipalização dos serviços da acção social em prol do desenvolvimento das comunidades.
A iniciativa  vai servir de modelo ao Governo na criação, a nível das comunidades, de condições que garantam a melhoria das condições sociais e rendimentos dos cidadãos, disse a ministra.
“A agricultura assim como outros sectores produtivos, cujo exercício integra um número significativo de mulheres rurais, representa uma prova inequívoca da prioridade que esta matéria ocupa na agenda do Executivo, para a melhoria das condições de vida das famílias camponesas”, explicou a ministra, que acrescentou que a diversificação da economia passa  por um maior investimento na agricultura, em recursos técnicos, tecnológicos e infra-estruturas.
Victória da Conceição defendeu a contínua aposta na mulher rural, garantindo o seu acesso à terra, à formação, ao crédito e às pequenas tecnologias de produção e transformação pós-colheita.

Tempo

Multimédia