Política

MPLA atento ao trabalho das estruturas de base

O MPLA vai continuar a envidar esforços no sentido de revigorar o trabalho organizativo das suas estruturas de base, face aos próximos desafios que se avizinham, tais como as eleições autárquicas, em 2020, e as gerais de 2022, anunciou sábado, em Luanda, o secretário-geral do partido, Álvaro de Boavida Neto.

Álvaro de Boavida?Neto, secretário-geral do MPLA
Fotografia: Edições Novembro

Em declarações proferidas à imprensa, no final de uma visita às estruturas partidárias em Talatona, para se inteirar do funcionamento das organizações de base, Boavida Neto salientou que tal intenção só será possível com a existência de militantes nos comités de acção e nos distritos urbanos. O político disse ter notado vontade e motivação dos militantes para se fazer o melhor para o partido.
O “número três” na hierarquia do MPLA precisou que o partido está à procura de corrigir alguma coisa que está mal, no sentido de, a curto prazo, se preparar para corresponder aos desafios das próximas etapas de luta, que vai ter de vencer. Boavida Neto apelou aos militantes a primarem pela coesão e unidade, no sentido de não perderem o foco principal dos objectivos do partido maioritário e do seu líder, no intuito de a sociedade continuar a remar para o sentido positivo e o MPLA garantir o bem-estar das populações.
A delegação, encabeçada pelo secretário-geral do MPLA, visitou as organizações de base de Benfica, Bairro 10 de Dezembro, Chinguari, Cidade Universitária, Centro de Formação Profissional e Njinga Mbandi.

Tempo

Multimédia