Política

MPLA vai identificar quadros competentes

Silvino Fortunato | Uíge

Os militantes do MPLA capazes de representar o partido no futuro quadro de desconcentração e descentralização do poder administrativo do Estado na província do Uíge podem começar já a ser identificados, segundo sugeriu o primeiro secretário do partido na região.

Comité provincial do MPLA no Uíge esteve ontem reunido na sua terceira sessão ordinária
Fotografia: Silvino Fortunato | edições novembro

Pinda Simão disse que o trabalho deve engajar todos os membros da direcção do partido na província, para permitir a escolha dos melhores quadros, que vão representar o MPLA nas futuras eleições autárquicas.
“Devem ser encontrados os militantes com competências académicas e políticas reconhecidas e que sejam bem preparados para melhor defenderem os propósitos do MPLA na província”, defendeu Pinda Simão, ao proceder a abertura da terceira sessão ordinária do comité provincial do partido.
Os militantes do MPLA devem reforçar a coesão e a unidade em torno do partido, dos seus dirigentes e dos governantes, aconselhou o político, salientando que as transformações em curso no país, incentivados pelo Executivo de João Lourenço, buscam soluções para os problemas que afectam os cidadãos.

Tempo

Multimédia