Política

Pólos turísticos aumentam oferta e diversidade de infraestruturas

O Presidente da República, João Lourenço, garantiu hoje em Luanda, a construção a curto e médio prazo, das infra-estruturas nos pólos turísticos de Cabo Ledo, Calandula e do projecto Transfronteiriço de OKavango Zambeze, com vista a aumentar a oferta e as opções de diversidade de turistas e clientes, em geral.

Presidente da República, João Lourenço
Fotografia: Kindala Manuel | Edições Novembro

O estadista angolano, que falava na abertura do Fórum Mundial do Turismo (WTF), sublinhou que além dos investimentos em infra-estruturas, há necessidade de se melhorar a qualidade dos serviços no sector, a promoção da actividade nos mercados internacionais promotores do turismo e que despertem o interesse dos turistas para os diferentes destinos turísticos mundiais.

João Lourenço, que falava para uma plateia de personalidades ligadas à indústria turística e política mundial, com destaque para o ex-presidente francês, François Hollande, afirmou que, para o alcance dos objectivos preconizados, o Governo está a implementar o Programa Prodesi, o qual, pela sua transversalidade, cria condições para melhorar o ambiente de negócios no país, incentivar o investimento privado e promover parcerias, sobretudo no turismo.

"Com a inserção do turismo neste programa, enquanto um dos sectores estratégicos para a diversificação da economia nacional, pensamos ter iniciado um processo irreversível de dinamização da actividade económica, com vista a inversão do cenário desfavorável provocado pela crise económica e financeira que assolou o país”, disse.


Notícia em desenvolvimento...

Tempo

Multimédia