Política

Potencialidades do Namibe impressionam adidos militares

João Upale | Moçâmedes

Adidos militares acreditados em Angola visitaram, na sexta-feira, o Namibe, para conhecerem as principais potencialidades económicas e turísticas da província, bem como trocar impressões com a Unidade da Base Central de Abastecimento afecta ao Posto Comando Militar.

Fotografia: DR

A delegação, chefiada pelo capitão-de-mar-e-guerra, o alemão Tomas Burchert, integrou os representantes da África do Sul, Brasil, Botswana, Cuba, Coreia do Sul, Estados Unidos da América, Moçambique, Nigéria, Namíbia, Ucrânia e Zâmbia.

Os visitantes apreciaram as belezas naturais da província, tendo-se deslocado ao município do Tômbwa e conhecido o deserto mais antigo do mundo.
Os adidos visitaram a planta Welwitschia Mirabilis, a Lagoa do Arco, bem como a fábrica de pescado da empresa PES-SUL.
Os adidos deslocaram-se à Fortaleza de São Fernandes, à base da Marinha de Guerra, e à centralidade habitacional da Praia Amélia. Foram recebidos pelo governador Carlos da Rocha Cruz, que os informou sobre as potencialidades da província.

Tempo

Multimédia