Política

PR inaugura nova sede do Instituto Geológico de Angola

O Presidente da República, João Lourenço, inaugurou hoje, sexta-feira, a nova sede do Instituto Geológico de Angola (IGEO), instituição que tem a missão de fornecer informação geológica credível ao Estado, aos investidores e à academia.

Fotografia: DR

 Após o corte da fita e descerramento da placa, o Titular do Poder Executivo, acompanhado por responsáveis de departamentos ministeriais, percorreu por diversas áreas da infra-estrutura, equipada com meios de última geração.
O ministro dos Recursos Minerais e Petróleos, Diamantino Azevedo, disse que a inauguração do empreendimento "prova a importância que o Governo dá à investigação científica, a fim de estimular o aproveitamento sustentável da riqueza mineral do país".

Indicou que, para terem êxitos nas suas funções, os serviços geológicos devem estar bem estruturados e equipados com infra-estruturas robustas e modernas, bem como com capital humano bem qualificado.
Localizado na Centralidade do Kilamba, na província de Luanda, o empreendimento foi construído numa área de 44. 650 metros quadrados e comporta um edifício-sede, laboratórios de prospecção física, de análises químicas e área social.

Os laboratórios estão apetrechados com equipamentos modernos para a preparação física de amostras geológicas, análises químicas e físicas de rochas, minerais e água.
Em relação à informação geológica, o IGEO agrega uma base de dados com um grande acervo do conhecimento geológico do território angolano, produzido anteriormente e no quadro do Plano Nacional de Geologia.

Centros regionais

Para além de Luanda, o IGEO conta com centros regionais na cidade do Lubango (Huíla) e Saurimo (Lunda Sul). O laboratório de Luanda tem a função mais completa, com o foco em micro-análise. O do Lubango, para além de análises genéricas, possui capacidade de preparação e análise de rochas ornamentais e minerais, enquanto o de Saurimo realiza análise geocientifica genérica. O laboratório de Luanda opera com 42 técnicos, o do Lubango (14) e o de Saurimo (17).

Tulelado pelo Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos, o IGEO tem por missão a execução e a coordenação da cartografia geológica e do estudo dos recursos minerais, tendo em conta o carácter e a política mineira estabelecida pelo Governo.

Tempo

Multimédia