Política

“Queremos as eleições como festa e harmonia”

O antigo presidente de São Tomé e Príncipe, Manuel Pinto da Costa, presente  no acto político,  disse que  gostaria de ver as eleições gerais de 23 de Agosto uma autêntica festa de harmonia.

Dirigentes africanos na festa do MPLA em Camama
Fotografia: Francisco Bernardo | Edições Novembro

O político são-tomense, que está no país como observador eleitoral, acredita que todos os angolanos, apesar das diferenças políticas, querem o progresso, o bem-estar e o desenvolvimento do país. “Eu vim assistir a uma festa e terei a oportunidade de ver outras”, disse Manuel Pinto da Costa, considerando uma festa ao acto político de massas do MPLA.  Outra personalidade internacional de referência é Pedro Pires, antigo Presidente de Cabo Verde. Entre os nacionais, presenças destacadas de Marcolino Moco, Lopo de Nascimento e Fernando Heitor, que abandonou a UNITA na semana passada, depois de quase 42 anos de militância.
Manuel Pinto da Costa é um dos convidados do Presidente da República para observar as eleições gerais. Outros convidados são, entre outros, os antigos presidentes de Timor Leste, Ramos Horta, da Namíbia, Lucas Pohamba, de Moçambique, Joaquim Chissano, e do Ghana, John Mohama.  As eleições de 23 de Agosto vão ser observadas por representantes de 90 instituições regionais, continentais e internacionais. 

Tempo

Multimédia