Política

Realçada importância da videovigilância

O juiz presidente do Tribunal de Comarca de Benguela, Artur Ngunza, afirmou que a entrada em funcionamento do Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) vai facilitar o esclarecimento de casos e a tomada de decisões pelos magistrados.

Fotografia: Angop

Em declarações à Angop, à margem de uma visita efectuada por 40 magistrados do tribunal ao referido centro, o magistrado judicial disse que os tribunais participam do sistema de investigação, instrução e decisão dos processos, daí que esses serviços trarão valências nas suas decisões.
“Esse sistema vai ajudar na clareza e fidelidade dos casos que chegam aos tribunais. Os factos serão reportados em tempo real, o que vai facilitar a identificação das pessoas e meios envolvidos em actos criminais”, argumentou.
Segundo Artur Ngunza, o centro vai assegurar a criação de condições para maior mobilidade das pessoas, tanto no período diurno como nocturno, bem como ajudar a esclarecer as ocorrências de criminalidade e acidentes de viação.
A protecção das instituições e residências também será uma das valências do novo serviço, frisou, enaltecendo a aposta do Comando da Polícia Nacional na juventude, para garantir a duração do equipamento.

Tempo

Multimédia