Política

Samakuva promete respeitar resultados

Bernardino Manje |

O candidato da UNITA a Presidente da República,  Isaías Samakuva,  prometeu aceitar os resultados caso perca o pleito.

Candidato da UNITA insiste nas críticas
Fotografia: João Gomes | Edições Novembro

Samakuva, que falou momentos depois de votar, sublinhou que só aceitaria a derrota desde que fosse a vontade da maioria dos mais de nove milhões de eleitores. O líder da UNITA votou na mesa de voto 2 da Assembleia de Voto 1263, no município de Talatona. Chegou  acompanhado pela esposa, Albertina Inês Satuala Samakuva.  Depois de votar, o líder da UNITA fez  críticas à CNE, por, segundo ele, a SINFIC (empresa contratada para prestar serviços ao processo eleitoral) ter cometido falhas.
Segundo Samakuva, até ao momento em que falava, os presidentes das assembleias de voto não estavam a cumprir o que a CNE tinha decidido na terça-feira, permitir a entrada dos delegados suplentes credenciados. O político disse esperar que tenha sido apenas uma falha na comunicação e que o assunto seja resolvido. A Assembleia de Voto 1154 foi lá onde votou Raul Danda, candidato a Vice-Presidente da República pela UNITA. O político falou sobre o que sentia naquele momento: "O primeiro sentimento é que posso ser, nos próximos dias, Vice-Presidente da República.

Tempo

Multimédia