Política

Saurimo vai ter duas novas escolas

Duas novas escolas de sete salas de aulas começaram a ser construídas, ontem, nos bairros Nzangi e Kawazanga, município de Saurimo (Lunda-Sul), no âmbito do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Com as novas escolas, mais crianças vão poder estudar
Fotografia: DR


As duas infra-estruturas, que terão gabinetes, balneários, área para a secretária geral, salas para professores e para os alunos e quadras desportivas, vão acolher, no próximo ano lectivo, no total, 1.260 alunos no sistema normal de ensino.

A construção destas infra-estruturas terá duração de seis meses e está orçada em 126 milhões de kwanzas cada. Em declarações à imprensa, o administrador municipal de Saurimo, Neves Romão, disse que a construção das escolas permitiu criar 45 postos de trabalho.
Os empreiteiros das obras já receberam 15 por cento do valor global, tendo, na ocasião, sido incentivados a cumprirem os prazos contratuais. O acto da consignação das duas escolas foi orientado pelo governador provincial, Daniel Neto.

Para o município de Saurimo, estão inscritos 20 projectos, no âmbito do PIIM, que incluem postos médicos, escolas, sistemas de captação e distribuição de águas, reabilitação de quadras desportivas e construção de vias secundárias e terciárias.

Asfaltagem na Humpata

Ao todo, cinco quilómetros e meio de estradas da sede do município da Humpata, na província da Huíla, estão a ser asfaltados, no âmbito do PIIM, informou, ontem, a administradora Rita Miranda.
Em declarações à Angop, a gestora fez saber que a acção é parte dos 12 projectos contemplados ao município, sendo que a reparação da rede viária da vila está orçada em 630.714.162 de kwanzas.
As empreitadas serão nas ruas que partem da administração municipal, passando por de trás do campo de futebol, que dá ao antigo cemitério. A par destas obras, explicou, há a terraplanagem de 42 quilómetro entre a sede municipal, o Alto Bimbi e comuna das Neves.

Tempo

Multimédia