Visita solidária ao músico Sebem

Roque Silva |
26 de Março, 2017

Fotografia: Francisco Bernardo | Edições Novembro

O candidato do MPLA a Presidente da República, João Lourenço, ofereceu ontem bens de primeira necessidade e electrodomésticos ao músico Sebem, para garantir um maior conforto durante a sua recuperação.

João Lourenço doou ao kudurista um televisor, fogão, arca, geleira, gerador, aparelho de som e alimentos, durante uma visita feita à residência da sua mãe, Beatriz Diogo, localizada na vila de Viana.
O político deslocou-se à residência da mãe de Sebem com uma delegação integrada pela directora do Gabinete para a Cidadania e Sociedade Civil do MPLA, Fátima Viegas, o secretário para os Assuntos Económicos e Sociais, Manuel Nunes Júnior, e a deputada Ana Dias Lourenço, esposa de João Lourenço.
João Lourenço prometeu contribuir para a melhoria do estado de saúde do cantor, que já apresenta sinais consideráveis de recuperação, trabalhando em conjunto com outras instituições para apoiar no que for preciso. O candidato do MPLA a Presidente da República nas eleições gerais de Agosto afirmou que o apoio ao músico se enquadra no espírito de solidariedade do partido. “A grandeza de um artista como o Sebem, que enquanto esteve bem deu muitas alegrias aos angolanos, sobretudo à juventude, não pode deixar as pessoas e as instituições indiferentes à sua condição de saúde”, considerou João Lourenço, acrescentando que foi por isso que se solidarizou.
O também vice-presidente do MPLA aconselhou Sebem a prosseguir com as consultas para a sua rápida recuperação e o regresso à vida normal. “Assumimos o compromisso de ajudar no que for possível, garantindo, pelo menos, as sessões de fisioterapia, pois ainda vamos a tempo de contribuir para ele melhorar muito mais. Mais vale tarde que nunca ajudar. Essa é a nossa meta”, disse.
Logo que viu chegar a delegação do MPLA, Sebem pediu cadeiras para que as visitas se sentassem. O músico, que se mantém quase sempre numa cadeira de rodas, deu provas do seu desejo em voltar às suas actividades e vida normais. Exibiu a sua condição física, ficou em pé à frente de João Lourenço que lhe desejou rápidas melhoras. As dificuldades que enfrenta na fala, mas que é perceptível a quem estiver atento, não inibiram Sebem de conversar de forma descontraída e divertida com João Lourenço e expressar o seu agradecimento pelo gesto.
Esfilêndio dos Santos, Sebem, de 42 anos, foi operado em Novembro de 2013, no Hospital de Hernanos, em Havana, Cuba, depois de ter sido detectada uma doença no sistema nervoso, denominada neurocisticercose, provocada pela larva Taenia Solium que pode entrar no organismo através da ingestão de água ou alimentos.
Feliz com a presença de muitas pessoas ao seu redor, o músico não deixou de lado o seu sentido de humor, usando palavras (os calões) muito frequentes entre os kuduristas. A mãe de Sebem agradeceu o gesto e desejou sucessos na campanha eleitoral. Em declarações à imprensa, Beatriz Diogo pediu o apoio de todos para garantir uma casa própria para Sebem e condições para este custear os estudos das filhas que sempre dependeram dele. As filhas de 19, 18 e sete anos vivem com os avós maternos e precisam de um espaço confortável, disse a sexagenária.

capa do dia

Get Adobe Flash player



ARTIGOS

MULTIMÉDIA