Províncias

Abertura da ponte do rio Kwanza melhora ligação entre Bié e Malange

José Chaves | Andulo

A reinauguração da ponte sobre o rio Kwanza está a facilitar a circulação de pessoas e bens entre a província de Malange e o município do Andulo, província do Bié.

A reinauguração da ponte sobre o rio Kwanza está a facilitar a circulação de pessoas e bens entre a província de Malange e o município do Andulo, província do Bié. Após a sua reabertura, vários automobilistas utilizam com frequência o troço Malange-Cangandala-Mussende-Calussinga-Andulo. Os utentes, entre os quais os taxistas, que já exploram a via mostram-se satisfeitos com a sua reabertura ao tráfego, interrompida há  cerca de 18 anos. A reportagem do Jornal de Angola apurou junto aos taxistas que uma corrida de Malange ao Andulo custa 4000 Mil Kwanzas.
O jovem taxista Mário Camuluta, disse ter sido um dos primeiros a utilizar a rota Malange-Andulo – afirmando que, apesar de existirem alguns constrangimentos na via devido a degradação da estrada, a viagem é feita com tranquilidade. Manuel Carlos, outro automobilista afirma que a reinauguração da ponte facilitou a circulação entre as províncias de Malange, Kwanza-Sul e do Bié.”É de louvar o esforço do executivo angolano porque já se pode circular com regularidade neste troço”, disse Carlos Manuel.
António da Costa, residente em Malange, sublinhou que desde a reabertura do troço, tem-no utilizado com frequência e que a mesma representa uma mais-valia para a população angolana.
A ponte sobre o rio Kwanza foi reinaugurada no passado dia 10 do corrente mês, no quadro das comemorações do 35º aniversário da independência nacional.

Tempo

Multimédia