Províncias

Acessos ao Nóqui à espera de obras

O mau estado da estrada que dá acesso ao município fronteiriço do Nóqui, na província do Zaire, está a retardar o investimento privado na localidade agrícola e rica em recursos minerais e geológicos, como granitos, rochas ornamentais, quartzo, cobre, entre outros, disse ontem, na municipalidade, o administrador municipal.

Foram criadas mais de 400 mangas de vacinação nos municípios
Fotografia: Marcelo Manuel | Edições Novembro

Luís Cumba Mavambu, que falava durante a cerimónia de recepção de um grupo de deputados do MPLA, que visitou a localidade, lamentou que enormes quantidades de produtos, como citrinos, abacate e banana, estejam a deteriorar-se, por dificuldades no escoamento. Para o administrador, as potencialidades turísticas locais bem aproveitadas podem servir de alavanca ao progresso da localidade, uma possibilidade condicionada pelo péssimo estado da estrada que conduz a Nóqui e que desencoraja os potenciais investidores. Luís Cumba Mavambu pediu aos deputados do MPLA para encaminharem esta e outras preocupações ao Executivo, para a sua solução o mais rápido possível.

Tempo

Multimédia