Províncias

Aulas de alfabetização condicionadas

As aulas de alfabetização no Cunene, para este ano lectivo, estão comprometidas devido ao atraso no pagamento dos subsídios dos 844 alfabetizadores da província.

Fotografia: DR

O coordenador do Programa de Alfabetização e Aceleração Escolar (PAAE), António Lwepo, afirmou que  apenas 472 alfabetizadores receberam subsídios de quatro meses, dos três anos em atraso, o equivalente a 10 mil kwanzas mês.
Em declarações à Angop, o responsável disse que o Gabinete da Educação recebeu do Ministério, em Outubro, 34.240.000 de kwanzas para o pagamento dos subsídios, ficando em falta 105 milhões para ressarcir todos os agentes en-volvidos no processo de alfabetização. A inscrição de novos alunos está cancelada, aguardando-se pelo retorno dos alfabetizadores,que condicio-nam o retorno à actividade docente ao pagamento, na totalidade, dos subsídios. No ano passado, a província do Cunene alfabetizou 4.433 cidadãos nos seis municípios.

Tempo

Multimédia