Províncias

Aumenta o número de partos assistidos

No Centro de Saúde da Banga, houve este ano até Novembro 118 partos assistidos, enquanto em idêntico período de 2013 se registaram 69, disse à Angop o chefe da Repartição Municipal do sector, Cardoso Seme afirmou que o aumento do número de partos no Centro de Saúde se deve à tomada de consciência de cada mais mulheres quanto aos riscos dos partos caseiros.

Antes, referiu, as gestantes somente iam ao hospital quando a situação se tornava complicada e, muitas das vezes, os serviços locais de saúde não conseguiam dar resposta e eram obrigados a enviar as que apresentavam mais complicados para a maternidade provincial, em Ndalatando.
Devido às acções de sensibilização desenvolvidas pelos serviços de saúde, as gestantes já procuram os serviços sanitários logo nos primeiros meses de gravidez, o que lhes permite terem acompanhamento até ao parto.
Também até Novembro foram registados no mesmo centro de saúde dois nados-mortos, mas não houve qualquer morte materna.O Centro de Saúde da Banga recebe diariamente cerca de 20 pacientes para consultas de várias especialidades.  O município com 145 quilómetros a nordeste de Ndalatando, tem aproximadamente 9.500 habitantes maioritariamente camponeses.

Tempo

Multimédia