Províncias

Aumenta oferta de bolsas de estudo no Cuando Cubango

Weza Pascoal

Um total de 356 bolsas de estudo internas para a província do Cuando Cubango foram disponibilizadas, neste ano académico, pelo Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudo (INAGBE), revelou ontem, em Menongue, o director local da Educação, Ciência e Tecnologia.

As inscrições para os candidatos à bolsa de estudo interna no Cuando Cubango já começaram e terminam dentro de trinta dias
Fotografia: Nuno Flash

Miguel Canhime esclareceu  que das 356 bolsas disponibilizadas,  100 são para estudantes da Universidade do Cuito Cuanavale, onde são leccionados os cursos de Enfermagem, Matemática, Biologia, Informática e Turismo, enquanto outras 256  são destinadas a outras especialidades de que a Universidade   não dispõe, com realce para a Medicina, Química, Economia, Direito e Agronomia.
Por este motivo, Miguel Canhime   disse que a Direcção Provincial da Educação, Ciência e Tecnologia, em colaboração com a Universidade do Cuito Cuanavale,   trabalha para  redistribuir as vagas para os cursos já existentes e permitir que mais estudantes beneficiem de bolsas.
“Existe dinheiro para ajudar estes jovens estudantes, que não têm condições para pagar os estudos, por isso, recebemos uma delegação do Ministério da Educação e do INAGBE para explicarmos como os estudantes devem candidatar-se e quais os requisitos necessários”, disse.
O director da Educação acrescentou que, neste momento, as inscrições já começaram e têm um prazo de 30 dias. Miguel Canhime disse que as 356 bolsas internas se dividem em três categorias,  A, B e C.  As bolsas do tipo A são disponibilizadas a estudantes que deixam a terra de origem em busca da formação. Para aceder às bolsas, o candidato, além de ter entre  18 e 25 anos, deve possuir uma média de 14 valores.

Tempo

Multimédia