Províncias

Administrador do Dande pediu maior participação

O novo administrador municipal do Dande pediu a colaboração e participação de toda a comunidade local no desenvolvimento socioeconómico da circunscrição. João Castelo Branco falava durante um primeiro encontro, realizado na quarta-feira, com responsáveis da Administração Comunal da Barra do Dande, autoridades tradicionais, entidades religiosas, representantes da sociedade civil e dos partidos políticos.

Depois de fazer um apelo ao bom senso, disse ser importante o diálogo permanente, em especial através do Conselho de Auscultação e Concertação Social, para se solucionar os vários problemas que a comuna enfrenta. Apontou o fornecimento de energia eléctrica, água potável, a promoção da educação e ensino e a assistência médica como os principais vectores da sua acção, para os próximos tempos.
O administrador visitou as instalações da Administração, o Posto da Polícia, as residências protocolares do administrador comunal e do seu adjunto, assim como cinco casas destinadas a funcionários.
O Hospital Geral da Barra do Dande, com capacidade para 112 camas, a central de fornecimento de energia eléctrica e as estações de tratamento e distribuição de água do Muceque Cabele e do Vale do Paraíso também foram inspeccionados pelo novo administrador. Nomeado a 18 de Junho, João Castelo Branco substituiu no cargo Mateus Manuel.

Tempo

Multimédia