Províncias

Bengo regista novos casos de dengue e chicungunha

O Gabinete provincial da Saúde do Bengo notificou, no passado mês de Fevereiro, 13 casos de dengue e 11 de Chicungunha, na localidade do Vale do Paraíso, no município do Dande, o que motivou a realização de uma campanha de sensibilização e combate às referidas doenças e à malária.

Dengue e Chicungunha voltam a assolar o Bengo
Fotografia: DR

A campanha vai decorrer com uma equipa composta por 75 mobilizadores, que vão oferecer também diversos serviços de saúde, desde consultas de clínica geral, pediaria, pré-natal, planeamento familiar, medição de tensão arterial, rastreio de tripanosomíases e shistossomíases, aconselhamento de testagem voluntária, vacinação e outros.

A directora do gabinete provincial da Saúde, Victória Cambunda, disse, no acto de abertura da campanha, que "queremos com este acto mostrar que a província do Bengo tem cumprido com o plano operacional do Ministério da saúde(MINSA), no que concerne à luta antí-vectorial, com o controlo integrado do vector e do parasita, através da distribuição de panfletos, pulverização inra e extra domiciliar e luta antí-larvar.

A governadora do Bengo, Mara Quiosa, aconselha a população a fazer o uso correcto dos mosquiteiros e a ter cuidado com as águas paradas, para evitar contrair doenças.A governante disse que é necessário evitar os charcos e água nas garrafas, queimar o lixo e cortar o capim que cresce ao redor das casas, porque é este ambiente onde o mosquito aproveita para se reproduzir.

Mara Quiosa deu a conhecer que as campanhas de sensibilização vão ser realizadas em todos os municípios da província. "Contamos com o apoio do Gabinete Provincial da Saúde, das administrações municipais, comissões de moradores, autoridades tradicionais, religiosas e também dos militares".

A governadora da província do Bengo agradeceu e encorajou os jovens voluntários da comunidade, que vão bater as portas ara explicar os cuidados que devem ter para evitar doenças.

 

 

 

Tempo

Multimédia