Províncias

Cresce o número de consumidores de água potável

Alfredo Ferreira | Bula Atumba

Mais doze mil habitantes da província do Bengo vão beneficiar de água potável, dentro dos próximos 12 meses, quando entrar em funcionamento o sistema de abastecimento de água de Bula Atumba e Muxaluando.

O vice-governador provincial do Bengo, José Major Campos, referiu ontem que o projecto visa facilitar o acesso da população ao consumo de água tratada, o que contribuirá para reduzir o número de casos de doenças provocadas por produto impróprio.
O vice-governador falava no acto de consignação do projecto das obras de reforço do sistema de abastecimento de água de Bula Atumba e Muxaluando, presidida pelo secretario de Estado das Águas, Luís Filipe da Silva.
Major Campos sublinhou que é importante que a população passe a ter consciência da necessidade de contribuir para a preservação dos bens públicos.
Na ocasião, o secretário de Estado afirmou que a água deve chegar mais próximo da população, dai assegurar que o Executivo vai continuar a apostar na reabilitação e construção de centros de captação e tratamento.
Luís Filipe da Silva realçou que o referido projecto faz parte do plano estratégico de reestruturação, construção e ampliação das redes dos serviços públicos.
O secretario de Estado das Águas explicou que a sua visita ao Bengo marca o início da execução dos projectos que vão permitir o aumento da capacidade de oferta e expansão dos serviços de abastecimento de água.
Além dos sector das Águas, estão em curso na região diversas acções de impacto social, para melhorar a qualidade de vida da população, com destaque para a reabilitação e construção de escolas, postos médicos e centros de saúde. Das obras em curso, realce também a reabilitação das vias de acesso.

Tempo

Multimédia