Províncias

Descartada admissão de novos professores

O director provincial do Bengo da Educação, António Quino, descartou ontem, em Caxito, a realização de concurso público para admissão de novos professores em 2016.

Segundo o responsável, a quota financeira disponibilizada é ínfima e na hipótese de um concurso público seriam admitidos apenas 50 professores, quando o sector precisa de 1.420 novos docentes. António Quino afirmou que o sector vai privilegiar a  promoção de categoria de alguns professores.

Tempo

Multimédia