Províncias

Destruídas várias toneladas de produtos fora dos prazos

Edson Fontes | Caxito

A direcção provincial do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC), no Bengo, incinerou, na quarta-feira, cerca de 12 toneladas de produtos com os prazos de validade expirados.

Muitos produtos com prazos de validade expirados eram vendidos na cidade de Caxito
Fotografia: Edmundo Eucílio

A direcção provincial do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC), no Bengo, incinerou, na quarta-feira, cerca de 12 toneladas de produtos com os prazos de validade expirados.
O director provincial do INADEC disse, ao Jornal de Angola, que os produtos eram vendidos em alguns estabelecimentos comerciais da cidade do Caxito.
Domingos Felgeuiras referiu terem sido queimados 250 quilos de farinha de trigo, 625 de arroz, 3.777 tubos de pasta de dentes e 400 latas de fruta em calda.Na província, lembrou, há outros órgãos criados pelo Governo, com a missão de garantirem melhor qualidade dos produtos postos à venda.
Nesta altura, o trabalho de fiscalização aos estabelecimentos comerciais é feito apenas na cidade do Caxito, disse, adiantando que nos outros municípios o INADEC vai ter o apoio da Polícia Económica, da secção do Comércio e da área de inspecção de Saúde Pública.O INADEC, anunciou, com o aproximar da quadra festiva vai redobrar esforços para evitar que os comerciantes aproveitem o momento para especularem e venderem produtos deteriorados.

Tempo

Multimédia