Províncias

Esclarecimento sobre a entrega de bilhetes de identidade

O chefe do Departamento de Identificação Civil e Criminal, Jaime Tavares, garantiu à Angop não existir demora na entrega do Bilhete de Identidade, contrariamente às reclamações da população.

“O que acontece é que o novo B.I. está a ser impresso em Luanda e a província do Bengo recebe este documento somente depois de oito dias, para fazer a entrega aos seus utentes”, clarificou.
Anteriormente, o Bilhete de Identidade era emitido nos postos de Identificação Civil da província do Bengo, em Caxito, Ambriz e Pango-Aluquém, e entregue no mesmo dia aos utentes, mas, com a entrada em serviço do novo B.I., passou a ser impresso na capital do país.
Jaime Tavares realçou que, nesta altura, decorrem as matrículas nas escolas e há a necessidade de os estudantes renovarem os seus documentos, situação que aumenta a pressão para a aquisição ou renovação do B.I. e do Registo Criminal.
Fez saber que só no Posto de Identificação em Caxito, são atendidas, diariamente, mais de duzentas pessoas, e durante esta semana recebeu mais de cinco mil bilhetes que estão a ser entregues normalmente.
O chefe do Departamento de Identificação Civil e Criminal do Bengo frisou que, relativamente ao registo criminal, não há nenhum impasse e o documento é entregue cerca de uma hora depois de ser tratado. Afirmou ainda haver um grande número de bilhetes de identidade emitidos, mas os seus proprietários não os levantam, por razões desconhecidas.

Tempo

Multimédia