Províncias

Governador avalia situação no Ambriz

O governador provincial do Bengo, João Miranda, desloca-se hoje às comunas do Tabi e Bela Vista, no município do Ambriz, para analisar com as autoridades locais a vida socioeconómica da região.

Estrada que liga o município do Ambriz a outras localidades está em óptimas condições
Fotografia: Francisco Bernardo |

Durante dois dias de trabalho no município, João Miranda deve manter encontros com os membros das administrações comunais, no âmbito do cumprimento do programa de visitas que tem vindo a efectuar às comunas, para se inteirar dos principais problemas da população.
O governador, que se faz acompanhar de grande parte do seu governo, vai inaugurar uma escola do secundário, na comuna do Tabi, com seis salas e capacidade para albergar 420 alunos repartidos em dois turnos.
Na comuna da Bela Vista, vai inspeccionar alguns projectos económicos e sociais em execução. Depois de ter visitado, com o mesmo propósito, as comunas de Quicabo, Úcua, Barra do Dande e Mabubas (município do Dande), e Gombe (Nambuangongo), o programa contempla visitas a todas as demais sedes comunais. Com três comunas - Tabi, Bela Vista e Sede -, o município do Ambriz tem 4.204 quilómetros quadrados. É limitado a norte pelo município de N’Zeto, a este pelo de Nambuangongo, a sul pelo Dande e a oeste pelo Oceano Atlântico. A sua população está calculada em cerca de 18 mil habitantes, que se dedica, maioritariamente, à pesca artesanal, comércio rudimentar, caça e agricultura de subsistência.

Tempo

Multimédia