Províncias

Governo do Bengo requalifica Panguila

Pedro Bica| Caxito

O Governo Provincial do Bengo realiza em breve um programa de requalificação da zona do Panguila Velho e de desenvolvimento de um projecto multidisciplinar.

Um pormenor da cidade do Caxito onde se realizou a reunião Extradinária do Governo
Fotografia: Jornal de Angola

A discussão do projecto realizou-se quarta-feira em Caxito, durante a primeira reunião extraordinária do Governo Provincial, em que se aprovou o memorando de entendimento, para a execução do programa.
Na reunião analisou-se também a situação socioeconómica da Província e foi aprovado o plano de desenvolvimento para 2013/2017.
O programa do Governo Provincial para o período contempla vários projectos e acções no domínio económico, social, infra-estrutural e institucional.
A região do Panguila faz parte da província do Bengo, em resultado da divisão político-administrativa aprovada a 26 de Julho de 2011, na terceira sessão extraordinária da Assembleia Nacional.
A alteração da divisão administrativa foi consequência de estudos realizados para o ordenamento do território, planeamento da orla marítima e desenvolvimento harmonizado do perímetro Luanda/Bengo.No essencial, reduziu-se o número de municípios nas duas províncias, incorporando em Luanda as municipalidades de Icolo Bengo e Quissama.A província do Bengo tem 25.139 quilómetros quadrados de superfície e os municípios do Ambriz, Dande, Bula Atumba, Dembos, Nambuangongo e Pango-Aluquém.
O Governo Provincial, em relação à situação das pensões e da prova de vida dos antigos combatentes e veteranos da pátria, criou uma comissão de trabalho, cujo objectivo é averiguar e apresentar propostas de solução dos problemas existentes.Durante o encontro, os responsáveis provinciais foram informados sobre a realização do fórum provincial de auscultação da juventude, que decorreu em Caxito, no âmbito do diálogo com a juventude, promovido pelo Executivo. Os membros do Governo Provincial do Bengo tomaram também conhecimento da organização do oitavo Fórum Nacional da Mulher Rural, em saudação ao Dia da Mulher Rural, que se celebra a 15 de Outubro.
O Governo Provincial salienta que a data visa promover a inserção da mulher rural no processo de desenvolvimento em curso no país, assim como identificar e apoiar as suas iniciativas.
Os membros do Governo foram também informados sobre o processo de registo de pessoas vulneráveis e sem protecção social, principalmente as maiores de 60 anos, iniciado em Agosto, com mil idosos registados.

Tempo

Multimédia