Províncias

Mais de 50 projectos concluídos no Bengo

Alfredo Ferreira| Bengo

O Governo do Bengo concluiu, neste ano, 53 projectos de impacto social, dos 142 previstos, para oferecer melhores condições de vida à população daquela parcela do território nacional.

Sector da Educação está entre as prioridades do Governo
Fotografia: Edmundo Eucílio | Edições Novembro | Bengo

As obras estão inseridas no âmbito do Programa de Investimentos Públicos (PIP), segundos o relatório da nona Reunião Ordinária do Governo Provincial, orientada pelo governador em exercício, Domingos Guilherme.
Dos projectos programados 46 estão em curso, 36 por iniciar e sete paralisados. Para o acompanhamento, conclusão e arranque das obras, o governador em exercício criou um grupo de trabalho, que ficará sob sua supervisão, que contará com a integração do Gabinete Jurídico, de Infra-estruturas e Serviços Técnicos, bem como do GEP, para trabalhar com as empresas e responsabilizar, mediante o estabelecido na lei vigente, as que não cumprirem com os contratos.
A reunião do Governo recomendou que a contratação de empreiteiros para as obras referentes ao Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM) seja feita por via de concurso público. O Governo vai fazer a manutenção dos cerca de 544 quilómetros de estrada, tendo em conta o programa do Executivo angolano, que colocou nas prioridades o fornecimento de kits de manutenção de estradas às províncias, como forma de permitir o desenvolvimento.
A província do Bengo possui 1915 quilómetros de vias terraplenadas e picadas, bem como 544 quilómetros de estrada asfaltada.
Para começar a manutenção, o Governo do Bengo já recebeu, do Ministério da Construção, máquinas, viaturas e sobressalentes, que devem beneficiar dois municípios, numa primeira fase. No sector da Educação, os membros do Governo tomaram conhecimento da realização do concurso público, prevendo-se, para o Bengo, o ingresso de 489 novos professores.
Os membros do Governo foram informados da colocação de 135 novos médicos, que foram distribuídos pelos seis municípios que compõem a província do Bengo.
No que toca à agricultura, ficaram a saber da operacionalização dos equipamentos agrícolas, kits e máquinas, bem como da constituição de cinco brigadas de mecanização agrícola privadas, para dar suporte às actividades de preparação de terras, nas campanhas agrícolas e abertura de novas áreas para a produção nas comunidades, aumentando a capacidade de intervenção, a intensificação e a rapidez na execução dos trabalhos do campo.

Tempo

Multimédia