Províncias

Mais alunos são inscritos no Bengo

A escola do ensino especial da província do Bengo tem matriculados, este ano lectivo, um grupo de 147 alunos, revelou ao Jornal de Angola, o seu subdirector pedagógico.

Fotografia: JAIMAGEM

Agostinho Maginga confirmou o crescente interesse das famílias pelo ensino especial e disse que está a ser feito um diagnóstico das crianças com necessidades especiais para serem matriculadas.
“Temos estado a recolher esses dados, pois o número de pedidos de ingresso aumenta a cada ano”, sublinhou, notando que, desde a sua criação, em 2000, a escola do ensino especial do Bengo, que possui três salas, já formou cerca de 800 alunos.
As crianças que transitam para o ensino médio são transferidas para a escola de formação de professores Kimamunenho e PUNIV do Caxito, de acordo com Agostinho Muginga, realçando o bom aproveitamento dos alunos da 10ª classe, nas disciplinas de língua portuguesa e inglesa, assim como na educação moral e cívica.
A escola, que conta com 26 professores, lecciona as disciplinas de Língua Portuguesa, Ensino do Meio, Matemática, Inglês, Geografia, História e Educação Moral, estando prevista para o II ciclo a Educação Laboral, Biologia, Química, Física e Educação Física.
O Governo do Bengo tem estado a trabalhar na orientação das escolas do ensino geral para que estas facilitem a inserção de alunos cegos, mudos e surdos.

Tempo

Multimédia