Províncias

MAPESS realiza conselho consultivo

Alfredo Ferreira | Caxito

A Direcção Provincial da Administração Pública Emprego e Segurança Social realizou na quarta-feira, no Caxito, o seu conselho consultivo, com o objectivo de abordar temas ligados à administração pública, segurança social e análise do relatório das actividades desenvolvidas no primeiro trimestre de 2010. 

Vice-governdor do Bengo
Fotografia: Edmundo Eucílio| Bengo

A Direcção Provincial da Administração Pública Emprego e Segurança Social realizou na quarta-feira, no Caxito, o seu conselho consultivo, com o objectivo de abordar temas ligados à administração pública, segurança social e análise do relatório das actividades desenvolvidas no primeiro trimestre de 2010. 
No encontro, os participantes discutiram, também, assuntos relacionados com a inspecção-geral do trabalho e avaliação do cumprimento do plano de actividades durante o ano em curso.
O vice-governador do Bengo, Farel Van-Dúnem, sublinhou, na ocasião, que cada participante “deve dar o seu contributo para a dinamização do sector”.
Participaram no concelho consultivo directores e formadores do centro de formação de Caxito, do Ambriz e do Instituto Nacional de Formação Profissional (INEFOP).
 
Dez mil trabalhadores

Na Direcção Provincial da Administração Pública Emprego e Segurança Social no Bengo estão registados cerca 10.139 trabalhadores. Destes, 6.748 pertencem à função pública e 4.091 trabalham em empresas privadas, sendo 8.454 homens e 2.388 mulheres.
De sublinhar que o número de contribuintes inscritos no sistema de segurança social aumentou nos últimos dois anos de 170 para 271. De igual modo, o número de trabalhadores que se encontram no sistema de segurança social passou de 8.204 para 10.839.
A direcção provincial tem ainda sob a sua alçada 672 pensionista, entre os quais 415 são homens e 257 mulheres.
Os organismos públicos são em número de 11 e as empresas privadas controlados pelo MAPSS 160.

Tempo

Multimédia