Províncias

Publicidade está a incentivar consumo exagerado de álcool

Alfredo Ferreira | Caxito

O vice-governador para a área Económica da província do Bengo, Domingos Guilherme, considerou no passada sábado, na cidade de Caxito, que a publicidade a bebidas alcoólicas tem incentivado os adolescentes ao consumo exagerado deste tipo de produtos.

Baixo preço tem contribuído no consumo
Fotografia: Jornal de Angola

O vice-governador para a área Económica da província do Bengo, Domingos Guilherme, considerou no passada sábado, na cidade de Caxito, que a publicidade a bebidas alcoólicas tem incentivado os adolescentes ao consumo exagerado deste tipo de produtos.
O governante, que teceu esta consideração na abertura da 14ª sessão do conselho provincial da família, disse que a facilidade na aquisição e o baixo preço das bebidas alcoólicas também têm contribuído para o consumo excessivo, principalmente por parte dos jovens e adolescentes.
“O consumo de bebidas alcoólicas por parte dos adolescentes e jovens, só contribui para a degradação da sociedade, comprometendo também o futuro do país” afirmou o vice-governador. Acrescentou que a violência doméstica, a prostituição e a delinquência juvenil, que são praticadas por adolescentes e jovens, constam entre outros males que assolam a província do Bengo.
Do seu ponto de vista, a família é o primeiro núcleo de socialização, pois é ela que transmite os valores morais e cívicos, pelo que os pais são chamados a assumir o seu verdadeiro papel de educadores.   
Com o lema “Famílias angolanas unamo-nos no resgate dos valores cívicos, morais e culturais para edificar uma sociedade mas justa”, a 14ª sessão do concelho provincial da família abordou temas como a influência da globalização nos valores cívicos e culturais da angolanidade, o papel dos pais na orientação dos membros da família face à globalização e o processo de combate ao alcoolismo.

Tempo

Multimédia