Províncias

Registados testes positivos de VIH/Sida em 40 gestantes

Alfredo Ferreira | Caxito

Um total de 40 gestantes teve resultados positivos nos testes de VIH/Sida realizados de Janeiro a Março deste ano na província do Bengo, num universo de 3.071 senhoras, informou ontem a directora do Gabinete Provincial da Saúde, Victória Cambuanda.

Fotografia: Edições Novembro

A responsável do sector da Saúde, que falava na cidade de Caxito durante o lançamento da campanha “ Nascer Livre para Brilhar”, de iniciativa da Primeira- Dama, fez saber que a taxa de prevalência, na província do Bengo, de mulheres com VIH/Sida, entre 14 e 49 anos, é de 2,8 por cento.
Victória Cambuanda deu a conhecer que no ano passado, 16 crianças de mães seropositivas nasceram livres do VIH/Sida em unidades sanitárias da província do Bengo, mercê da implementação do Programa de Corte de Transmissão Vertical. Neste mesmo ano, informou Victória Cambuanda, foram distribuídos 443 preservativos, dos quais 122 do sexo feminino.O Programa de Corte Vertical(PCV) foi implementado na província do Bengo, inicialmente, em 2006, numa unidade sanitária, e nos dias correntes já funciona em 19 instituições hospitalares nos seis municípios da província. />O padrinho do “Nascer Livre para Brilhar” na província do Bengo, João Domingos, disse que para o êxito do programa “é necessário a participação activa dos cidadãos de todos os estratos sociais.João Domingos aconselhou as mulheres grávidas a fazerem o teste do VIH/Sida para conhecerem o seu estado serológico.
A governadora provincial do Bengo, Mara Quiosa, e membros do seu Governo, autoridades tradicionais e religiosas, técnicos da saúde, entre outras entidades, estiveram presentes no acto de lançamento da campanha “Nascer Livre para Brilhar”.
A campanha nacional “Nascer Livre para Brilhar" foi lançada em Dezembro de 2018, pela Primeira-Dama da República de Angola, Ana Dias Lourenço, e está a ser implementada em todo o país. Tem como meta a redução da taxa de transmissão do VIH/Sida de mãe para filho até 2021.

Tempo

Multimédia