Províncias

Técnicos da saúde no Bengo ganham novas competências

Alfredo Ferreira | Caxito

Um grupo de 30 técnicos de saúde das províncias do Bengo, Cuanza Norte e Zaire participa até sábado,na cidade de Caxito, numa acção sobre otorrinolaringologia (doenças do ouvido e vias respiratórias).

Técnicos abordam os casos de otorrinolaringologia considerados complexos
Fotografia: Santos Pedro

Promovido pelo Ministério de Saúde em parceria com a Direcção Provincial do sector no Bengo, a formação, com a duração de cinco dias, vai incidir sobre a problemática do nariz, ouvidos e garganta, e abordar as melhores maneiras de tratar as doenças que lhes estão associadas.
Os participantes vão ainda aprofundar matérias como a surdez, otites, corpos estranhos no ouvido, rinites, anginas, faringites e laringe.
O formador Matuba Filipe disse que se pretende dotar de conhecimentos os profissionais da saúde, que lhes permitam saber lidar com estes casos, que considerou complexos no contexto da nossa realidade, e dar respostas a estas doenças.
“É necessário que os pais levem os filhos a uma verificação da audição, aquilo a que chamamos triagem auditiva. Este procedimento é feito em algumas maternidades, por altura do nascimento, mas é preciso dar sequência ao acompanhamento”, explicou o responsável.
Esta é a primeira acção formativa deste género realizada na província, que em breve também vai ser realizada na Lunda Sul e Norte, Malanje e Moxico.

Tempo

Multimédia