Províncias

Tecnologia chega à vila do Caxito

Pedro Bica | Caxito

A cidade do Caxito recebeu ontem oito computadores conectados à Internet, uma iniciativa da Unitel, de acordo com as suas responsabilidades sociais.

A iniciativa faz com que os estudantes tenham conhecimentos para utilizarem os sites de busca
Fotografia: Pedro Bica |

João Inglês, engenheiro informático, garantiu que outro grande objectivo da sua instituição é motivar os estudantes das escolas do II ciclo a interagirem, através das novas tecnologias de informação e comunicação.
“ Estamos empenhados a contribuir neste sentido para que os estudantes possam facilmente estar em contacto co o mundo e também  verem facilitado o trabalho de pesquisa”, disse.
A par da navegação normal, o espaço pode ser considerado como uma pequena biblioteca virtual, o que proporciona aos utilizadores atingirem outros níveis de conhecimentos.
“Entre outros objectivos, a acção faz com que os estudantes tenham conhecimentos para utilizar os sites de busca, comunicar em tempo real com outros, enviar e receber e-mails e inserir-se nas redes sociais”, enfatizou João Inglês.
No acto de lançamento, a vice-governadora para a área política e social, Maria Peixoto, afirmou que a iniciativa vai dotar os estudantes da escola de formação de professores do Kima Muenho de melhores aptidões tecnológicas. As províncias de Luanda, Benguela, Huambo, Bié, Cabinda, Uíge, Kwanza-Norte, Huíla, Malange, Cunene e Bengo já beneficiaram do projecto, denominado e-net. As restantes províncias do país podem contar com a biblioteca virtual nos próximos meses. O projecto, lançado em Luanda em Junho do ano passado, tem como finalidade de proporcionar aos adolescentes e jovens estudantes das escolas do II ciclo o acesso à Internet. A iniciativa conta com a pareceria do Ministério da Educação, como entidade executora, a Huawei, como fornecedora dos computadores e a Unitel, a provedora do serviço de Internet e responsável pela gestão e supervisão do projecto.

Tempo

Multimédia