Províncias

Unitel presta assistência sanitária às comunidades

Pedro Bica | Caxito

Os municípios do Ambriz e Dande, na província do Bengo, acolheram, terça e quarta-feira, a chamada Feira da saúde Unitel, uma iniciativa daquela empresa de telefonia móvel destinada a prestar assistência médica e medicamentosa às comunidades mais carenciadas.

Campanha focou-se no combate à Schistosomíase, doença que afecta as comunidades no Bengo
Fotografia: DR

O foco, de acordo com a organização, foi o combate à Schistosomíase, uma doença infecciosa crónica vulgarmente conhecida por “Urina com sangue”, que assola particularmente as populações ribeirinhas.
No Bengo, a causa da doença está associada à utilização da água da vala de irrigação do perímetro agrícola de Caxito, para banho, lavagem de loiça e roupa, apesar do apelo das autoridades sanitárias que desencorajam isso.
Dados disponíveis indicam que cerca de 200 milhões de pessoas, em 76 países, se encontram infectadas pela Schistosomíase, enquanto outras centenas de milhões vivem em áreas endémicas, expostas à infecção, como são os casos do Ambriz e Dande.
Entre os principais sintomas que caracterizam a do-ença consta a insuficiência renal, inflação abdominal e dificuldades de gestação para as mulheres. A feira, que termina hoje, inclui consultas grátis de clínica geral, Pediatria, Ginecologia, Obstetrícia, Cardiologia e Nutrição.
O programa inclui testagem e aconselhamento sobre o VIH/Sida, malária, palestras sobre cancro, hipertensão arterial e infecções sexualmente transmissíveis.
A feira era aberta às 8 horas da manhã, estendendo-se até às 17 horas. Contou com o apoio das administrações municipais do Ambriz e Dande, governo provincial, Polícia Nacional, Serviços de Protecção Civil e Bombeiros e o INEMA.

Tempo

Multimédia