Províncias

Uso de casas desagrada ao governador

Pedro Bica | Dembos

O governador provincial do Bengo, João Bernardo de Miranda, manifestou, ontem, no município dos Dembos, insatisfação pela forma como alguns moradores utilizam as casas construídas no quadro do programa do Executivo de 200 casas por município.

João Bernardo de Miranda lamentou o mau uso das casas sociais, durante uma visita de dois dias aos municípios de Pango Aluquém, Bula Atumba e Dembos e apelou aos moradores a cuidarem bem dos imóveis.
O governador provincial do Bengo salientou que as residências foram erguidas no quadro de um grande esforço  do Executivo, dai exortar os seus ocupantes para que as tratem com dignidade.
João Bernardo reconheceu que as obras, apesar dos atrasos registados, apresentam uma execução física de qualidade. Mas deixou orientações aos administradores municipais, para um melhor acompanhamento das empreitadas.
Durante a sua estada nos municípios de Pango Aluquém, Bula Atumba e Dembos, João Miranda visitou as zonas das 200 residências, obras de construção do Hospital Regional de Bula Atumba e  encontrou-se com os administradores municipais.
Com uma população estimada em 351.579 habitantes, na sua maioria dedicada à agricultura, a província do Bengo possui uma extensão territorial de 33.016 quilómetros quadrados e conta com seis municípios.

Tempo

Multimédia