Províncias

Centro de Saúde da Graça conta com banco de sangue

Maximiano Filipe | Benguela

Um banco de sangue é instalado, no  mês de Setembro do corrente ano, no centro médico do bairro da Graça, arredores da cidade de Benguela, anunciou o administrador municipal.

Objectivo é desafogar o Hospital Geral onde são encaminhados os casos de transfusão
Fotografia: kindala Manuel

Leopoldo Muhongo, que falava no termo de uma visita de constatação à empreendimentos sociais em curso no bairro, afirmou que a instalação está a depender apenas da chegada dos equipamentos.
“A  instalação do banco de sangue visa igualmente desafogar os casos a nível do Hospital Geral de Benguela, onde grande parte dos pacientes são transferidos, para ter acesso à esses serviços”, explicou Leopoldo Muhongo, que esclareceu que a acção insere-se no Plano de Desenvolvimento do Município, que engloba igualmente a montagem de uma subestação de energia eléctrica, na localidade do Uchi, para permitir 12 mil ligações domiciliárias. Neste pacote, consta ainda a requalificação dos cemitérios da Camunda, do Catengue e da Graça, localizados nas zonas A, B e F, bem como a construção de dois outros na zona urbanizada no projecto Benguela Sul, com um espaço de dez hectares cada, disse
Leopoldo Muhongo acrescentou que o pacote reserva ainda a construção de campos polivalentes e de centros de recreação para a juventude, em zonas onde não existem tais infra-estruturas.
O director da repartição municipal da Saúde, Garcia da Costa, afirmou que, nos últimos dias, os casos de transfusão de sangue têm  aumentado, devido às constantes fracturas causadas por acidentes de viação e cirurgias a nível da maternidade.
Relativamente ao plano de combate à malária e à febre-amarela, Garcia da Costa referiu que foram disponibilizados mais de quatro mil mosquiteiros tratados com insecticidas em cinco zonas do município, uma acção cuja segunda fase conta com  fumigação.

Tempo

Multimédia