Províncias

Constituída em Benguela federação de cooperativas

António Gonçalves | Benguela

As cooperativas agro-pecuárias de Benguela constituíram uma federação que, disse o director provincial da Agricultura e Desenvolvimento, vai facilitar o diálogo entre o Governo Provincial e camponeses, agricultores e criadores de gado.

As cooperativas agro-pecuárias de Benguela constituíram uma federação que, disse o director provincial da Agricultura e Desenvolvimento, vai facilitar o diálogo entre o Governo Provincial e camponeses, agricultores e criadores de gado. Abrantes Sakaseke salientou que também permite o aumento da produção agropecuária.
O vice-governador de Benguela para a esfera económica referiu que o sector agro-pecuário ainda regista algum défice em vários domínios pelo que o surgimento da federação vai acelerar a assistência do Governo aos agricultores e criadores de gado locais. A federação das cooperativas agro-pecuárias de Benguela foi criada para promover o desenvolvimento da agricultura e a criação de gado para elevar a rentabilidade dos dois sectores.
Também pretende defender “junto dos poderes públicos a justa remuneração do trabalho dos agricultores e criadores de gado” e “colaborar com o Governo na elaboração de políticas favoráveis ao sector agro-pecuário e da economia das zonas rurais”. António Monteiro é o presidente da direcção e Joaquim Silva, o da assembleia-geral.

Tempo

Multimédia