Províncias

Construção de nova escola na província de Benguela

Maximiano Filipe | Benguela

O governo da província de Benguela prevê, para o próximo ano, a construção de uma nova escola para atender mais de mil alunos com dificuldades educativas especiais.

Escola é construída no Bairro da Graça
Fotografia: Paulo Mulaza

A garantia foi dada pelo governador Isaac dos Anjos, durante a visita que efectuou a actual escola de ensino especial, localizada no centro da cidade de Benguela.
O governador exortou a classe empresarial local no sentido de contribuir para a materialização das acções programadas pelo Executivo que dirige e apelou a população no sentido de melhor preservar o património público.
O projecto arquitectónico para a construção da nova instituição escolar será implantado no bairro da Graça, localizado a três quilómetros da cidade de Benguela, num espaço urbanizado de cinco hectares.
A nova instituição de ensino para pessoas com necessidades educativas especiais terá 20 salas de aula para a formação teórica e prática e vai albergar mais de mil alunos, da iniciação à nona classe. Actualmente encontram-se fora do sistema de ensino cerca de oitocentos alunos com necessidades educativas especiais.
A nova escola vai oferecer aos alunos diversas valências académicas e sociais, condições de habitabilidade e acomodação, que permitam ao aluno a assimilação fácil dos conteúdos ministrados. A nova escola vai possuir também uma biblioteca moderna, refeitório, sala de testagem da evolução auditiva, visual e física, espaço para criatividade e prática desportiva, sala de informática, sala para consultas médicas para alunos, professores e funcionários administrativos.
De acordo com o director provincial da Educação, Ciências e Tecnologia, Nelson da Conceição, no pacote de projectos para o atendimento de pessoas com necessidades especiais entrarão brevemente em funcionamento dois centros de recursos ao ensino especial, que estarão localizados nos municípios da Ganda e do Bocoio.
Para a formação de quadros especializados e profissionalmente competentes no ramo de educação especial, que constitui um dos grandes desafios do sector da Educação, a província de Benguela conta com assessoria cubana.

Tempo

Multimédia