Províncias

Governo de Benguela apoia vítimas da seca

Carlos Paulino | Menongue

Um total de 30 toneladas de peixe fresco foram entre-gues na cidade de Menon-gue, província do Cuando Cubango, pelo Governo de Benguela, para apoiar as vítimas da seca.

Cuando Cubango recebeu vários produtos de Benguela
Fotografia: DR

Joaquim Severino, técnico do Gabinete Provincial de Benguela da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, que acompanhou a mercadoria até à cidade de Menongue, explicou que o Governo e os benguelenses estão solidários com as mais de 350 mil pessoas afectadas pela seca no Cuando Cubango.

O Governo de Benguela, acrescentou, quando tomou conhecimento da situação da estiagem severa no Cuando Cubango, mobilizou a população para a recolha de donativos.
Garantiu que a recolha de donativos continua e, nos próximos dias, o Governo de Benguela vai fazer chegar ao Cuando Cubango, Namibe, Cunene e Huíla mais apoios alimentares.
A chefe de Departamento da Acção Social, Família e Igualdade de Género, Cecília Incha, disse que estão a ser criadas as condições para fazer chegar, nos próximos dias, a doação de peixe fresco a todos os municípios do Cuando Cubango. Cecília Incha afirmou que a situação das famílias vítimas da seca no Cuando Cubango é bastante crítica, uma vez que muitas não têm nada para comer, devido às dificuldades das vias de acesso, principalmente nas localidades de Luiana, Neriquinha, Chipundo, Boa-Fé, Luengue, Licua, Chamavera, Olupale, Mawé e Mavengue.
Cecília Incha disse que muita gente abandona as zonas de origem à procura de alimento em localidades da Namíbia e da Zâmbia .
A reponsável apelou aos governos provinciais, empresas públicas e privadas, em-presários, Organizações Não- Governamentais, igrejas e membros da sociedade civil para ajudarem o Governo do Cuando Cubango a acudir a penúria alimentar das famílias afectadas pela estiagem.

Tempo

Multimédia