Províncias

Instituto Médio de Educação formou mil novos professores

Maximiano Filipe|

Cerca de mil estudantes formados nas diversas especialidades de ensino, concluíram com êxito o quinto curso de professores no Instituto Médio Normal de Educação de Benguela (IMNE) nas especialidades de língua portuguesa, matemática, física, história, geografia, biologia, química, inglês e francês.

Província de Benguela conta com mais professores do primeiro ciclo
Fotografia: António Gonçalves| Benguela

Cerca de mil estudantes formados nas diversas especialidades de ensino, concluíram com êxito o quinto curso de professores no Instituto Médio Normal de Educação de Benguela (IMNE) nas especialidades de língua portuguesa, matemática, física, história, geografia, biologia, química, inglês e francês.
De acordo com Tomé Nunda, director pedagógico da referida instituição de ensino, dos 1.100 matriculados durante o ano lectivo de 2010, apenas 942 concluíram com êxito.
"O fim deste curso marca o culminar de uma série de realizações pedagógicas e administrativas em que estiveram envolvidos, lado a lado, professores e professoras, alunos e alunas, trabalhadores administrativos, auxiliares de limpeza, protecção física e direcção da escola", afirmou o director pedagógico.
Tomé Nunda garantiu que os estudantes, após cinco anos de formação, estão aptos a cumprir as suas responsabilidades como docentes.
A cerimónia de apresentação dos novos finalistas do IMNE contou com a presença de representantes da Direcção Provincial da Educação, chefes de departamentos das secções de educação, familiares e convidados. Com mais professores muitos alunos vão ser inseridos no sistema de ensino no próximo ano.
"Muitos professores vão leccionar nos municípios", disse uma fonte do sector da Educação.

Tempo

Multimédia