Províncias

Loja dos Registos reabre depois das inundações

A Loja dos Registos no município do Lobito, província de Benguela, voltou a abrir para o público, depois da paralisação dos serviços devido ao alagamento causado pelas chuvas, informou ontem a Angop.

Fotografia: DR


Com a normalização do funcionamento da instituição, que atende diariamente mil utentes, os cidadãos voltaram a contar com os serviços nas conservatórias do registo civil, registo comercial, predial e automóvel, Cartório Notarial e Arquivo de Identificação Civil e Criminal.
Sempre que chove com alguma intensidade, no Lobito, o edifício onde funciona a Loja dos Registos regista infiltração de água a partir do tecto, causando o alagamento das várias áreas, acelerando a degradação da infra-estrutura.
O estado da cobertura é crítico e como consequência as paredes apresentam fissuras e uma boa parte do revestimento em mosaico do pavimento já não existe. Para evitar que desabe, o Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos estuda a possibilidade da reabilitação da Loja dos Registos, construída há pouco mais de 10 anos, na zona Baixa da cidade do Lobito.
A Loja dos Registos do Lobito conta com 80 técnicos, distribuídos entre as conservatórias do registo civil, do registo comercial, predial e automóvel, Cartório Notarial e Arquivo de Identificação Civil e Criminal.

Tempo

Multimédia