Províncias

Merenda escolar para mais alunos

Um total de 22.938 alunos do município do Bocoio, em Benguela, beneficiaram este ano lectivo do programa de merenda escolar, infornou o director municipal da Educação, Ciência e Tecnologia.

Mateus Chiaca disse à Angop que o programa merenda escolar  foi garantido no município pela ONG sul -africana JAM, pela Lactiangol e pela empresa Delfina Joaquim Canganjo, a 58 escolas primárias seleccionadas pelo sector da Educação, no âmbito do programa de combate à pobreza.
A JAM forneceu farinha de soja a 46 escolas em cinco comunas de Chila, Monte Belo, Cubal do Lumbo, sede Bocoio e Passe, frequentadas por 20.342 alunos, a Lactiangol distribuiu leite e bolachas a seis escolas primárias das comunas de Chila, Passe e Cubal do Lumbo, que abrangem 1.248 alunos mais vulneráveis.
A Delfina Joaquim Canganjo”, na qualidade de parceira do sector da Educação, forneceu, ao longo do ano lectivo, leite, sumo, bolachas, sandes e bolos, a seis escolas primárias, sendo uma da comuna sede Bocoio e cinco de Monte Belo, tendo beneficiado 1.348 alunos carenciados.
 Mateus Chiaca,  considerou positivo o balanço do programa merenda escolar no município do Bocoio, província de Benguela,no ano lectivo de 2013, visto ter contribuído para uma boa nutrição, melhor aproveitamento e fraca desistência de alunos.

Tempo

Multimédia