Províncias

Município com insuficiência de salas

A construção de 2.347 novas salas de aulas no município da Ganda, província de Benguela, é indispensável para integrar todas as crianças no sistema de ensino, afirmou o administrador local.

Caetano Lopes disse à Angop que a rede escolar do município tem actualmente 210 escolas com 970 salas, número que considerou insuficiente para atender a procura. “Há toda a necessidade de se construir 2.057 salas para o ensino primário, 225 para o primeiro ciclo e 65 para o segundo. Só assim é que vamos estar minimamente servidos neste sector. Penso ser um assunto que deve merecer a devida atenção das autoridades provinciais”, alertou.
Em relação à actividade docente, apontou a intransitabilidade de algumas vias de acesso e a falta de casas para professores como circunstâncias que inviabilizam o normal funcionamento das escolas nas áreas rurais. Neste momento, o município tem 2.750 professores que garantem o funcionamento dos três níveis de ensino.  No âmbito do investimento concebido, com base no programa de intervenção local para este ano, está em construção uma escola do magistério primário com seis salas e a decorrer obras de ampliação de três salas para 12 turmas na escola primária 244, todas da sede municipal.

Tempo

Multimédia