Províncias

População com acesso grátis

António Gonçalves |

A população de Benguela passa a ter mais acesso às novas tecnologias de informação, com o lançamento pelo Governo Provincial do programa “Benguela Cidade Satélite”.

Cidadão satisfeito com a iniciativa do Governo
Fotografia: António Gonçalves|Benguela

Enquadrado no plano de desenvolvimento da província até 2017, o programa visa incluir mais pessoas no acesso às novas tecnologias de informação e vai contemplar os dez municípios.
O director do Gabinete de Estudos e Planeamento do Governo Provincial de Benguela, Manuel Valódia da Cunha, garantiu que o sistema de pontos “wifi/wireless” vai estar disponível nos mercados, largos e jardins públicos de todos os municípios, incluindo as periferias.
O governador Isaac dos Anjos disse que o lançamento do programa vai permitir a integração de mais pessoas no mundo virtual e das tecnologias de informação, apesar de reconhecer que uma grande parte da população tem  já o sistema sem fios em casa, mas bastante oneroso.
Com pontos de contacto “wifi/wireless”, qualquer um pode  aceder à Internet, mas para isso apelou à população para fazer o uso correcto da ferramenta colocada à disposição. O director comercial de projectos da Lobinet, a empresa gestora dos pontos de contacto “wifi/wireless”, Paulo Calado, informou que o sinal, com uma capacidade de quatro  megabytes, vai estar aberto durante 24 horas e é livre para qualquer cidadão.O estudante Jorge Manuel, do Instituto Médio Industrial de Benguela, curso informática, manifestou-se satisfeito e disse que o ponto de contacto “wifi/wireless”, que faz parte do projecto “Benguela Cidade Satélite” vai trazer maior desenvolvimento à província e aos estudantes em particular.
 Núria Luvambo, também estudante no Colégio Nossa Senhora da Conceição, realçou a importância da iniciativa do Governo Provincial, que vai permitir que a comunidade estudantil possa pesquisar materiais escolares e outras gratuitamente.

Tempo

Multimédia