Províncias

População do Lobito adere em massa

Jesus Silva | Lobito

Uma feira da saúde e do registo civil gratuito para crianças e adultos foi realizada sexta-feira nas zonas 4 e 5 do município do Lobito, no quadro das festividades dos 73 anos do Presidente da República, José Eduardo dos Santos.

Vista parcial da cidade do Lobito onde decorrem várias acções para que a população mais vulnerável tenha documentos e assistência médica
Fotografia: Francisco Bernardo

Promovida pelo secretariado provincial da Organização da Mulher Angolana (OMA) em Benguela, a actividade visa minimizar as dificuldades das camadas mais vulneráveis daquela parcela da região.
A responsável do secretariado, Teresa Borges, disse que a feira surgiu da necessidade de se dar oportunidade às populações para adquirirem com facilidade o Bilhete de Identidade e registarem as crianças, bem como garantir atendimento médico.
A chefe dos serviços de registos do Lobito, Inês Kwayela, disse que a campanha contou com a participação de nove técnicos e abrangeu cerca de 100 menores e 20 adultos.
O administrador das zonas 4 e 5, Luís Dinis, salientou que a actividade foi um momento impar para parte da população daquelas áreas suburbanas possuírem documentos, como registo de nascimento e Bilhete de Identidade.
As zonas 4 e 5 englobam os bairros do Morro da Rádio, Bairro Novo, Akongo, São João e Santa Cruz, sendo que boa parte da sua população não possuía documentos. Segundo Luís Dinis, a Rede Municipal da Criança do Lobito deu início sexta-feira a uma outra campanha de registos gratuitos no campo de futebol de 11 do Morro da Rádio.

Assistência sanitária

Na feira da saúde, centenas de pessoas foram assistidas nas consultas de clínica geral, obstetrícia, pediatria, saúde mental, tuberculose, VIH/Sida, tensão arterial, entre outras enfermidades, disse o chefe municipal de Saúde do Lobito, Zeferino Joaquim.
A par disso, foi também instalado um posto do Programa Alargado de Vacinação (PAV), onde houve vacinação contra a poliomielite, tétano e sarampo. O chefe da direcção municipal de Saúde do Lobito, Zeferino Joaquim, elogiou o gesto da OMA e felicitou a população da região pela adesão ao programa.
Na campanha, que decorreu sob o lema “Viva e Envelheça com Saúde”, participaram vários médicos e técnicos de saúde dos hospitais das cidades do Lobito, Catumbela e Benguela.

Tempo

Multimédia