Províncias

Primeiro Ciclo com melhores condições

Maximiano Filipe | Benguela

O administrador municipal de Benguela disse, ao Jornal de Angola, que, no segundo semestre deste ano, vai ser construída uma escola do I Ciclo do ensino secundário, com capacidade para 210 alunos.

O administrador municipal de Benguela disse, ao Jornal de Angola, que, no segundo semestre deste ano, vai ser construída uma escola do I Ciclo do ensino secundário, com capacidade para 210 alunos.
Leeopoldo Muhongo afirmou que estabelecimento, a ser construído na zona D, vai dispor de seis salas e que o projecto tem em atenção os portadores de deficiência física.
A construção, referiu, insere-se no plano do Executivo de alargamento da rede escolar em todas as localidades para inserir no sistema de ensino o maior número de crianças.
O administrador declarou que o município precisa de 904 salas, mas que em Março é reaberta a escola de Artes e Ofícios (ex-Liga), no bairro do Cotel, que, após a reabilitação, ampliação e apetrechamento, pode acolher mais de dois mil estudantes. 
Leopoldo Muhongo disse que há contactos com a Reitoria da Universidade Katyavala Bwila para ser encontrada a melhor forma de ingresso dos jovens no ensino superior e que vão ser reforçadas nas escolas  as campanhas “Viva a vida com saúde”, “Lavando as mãos com sabão”, o plano de distribuição gratuita de material escolar e o supervisionamento da merenda escolar, em coordenação com a direcção provincial da Educação e da Saúde e parceiros.
A promoção de acções de combate ao analfabetismo em todo o município e o apoio às iniciativas de jovens criadores de arte também fazem parte das prioridades.

Tempo

Multimédia