Províncias

Sete irmãos menores morrem no balombo

Sete irmãos, com idades entre os dois e os 12 anos, morreram na madrugada de segunda-feira no município de Balombo, província de Benguela, devido à inalação de monóxido de carbono.

Os sete menores, três raparigas e quatro rapazes, foram encontrados na terça-feira já sem vida, cerca das 6h00. Segundo os Serviços de Protecção Civil e Bombeiros, na origem da tragédia  está um alegado descuido da mãe, de 36 anos, que está internada numa unidade hospitalar em estado grave.  “Moravam numa casota, praticamente sem janelas, e a mãe pôs uma panela de feijão a cozer num fogareiro a carvão. Durante a noite, o fumo que se acumulou dentro de casa provocou a morte das crianças", disse fonte dos Bombeiros. O acidente aconteceu no bairro Hoji ya Henda, a cerca de 200 quilómetros da cidade de Benguela.

Tempo

Multimédia