Províncias

Solução para infertilidade está em Benguela

Maximiano Filipe | Benguela

Um total de 50 pacientes diagnosticados com problemas de infertilidade e tratados no Hospital Geral de Benguela desde o início do ano, já são pais, disse ao Jornal de Angola, o director da instituição , Eduardo Kedissobwa.

Hospital Geral está a atender muitos casos de infertilidade
Fotografia: Jesus Silva | Edições Novembro| Benguela

 “A nossa unidade hospitalar está a dar resposta aos vários problemas de infertilidade, quer senhoras quer em senhores,  desde que o cidadão voluntariamente  apresente a sua preocupação fazemos o diagnóstico  e consequentemente o tratamento”, frisou  Eduardo Kedissobwa, médico de profissão.    
Actualmente, segundo o responsável,  600 pacientes de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 27 aos 45 anos,  já  foram consultados “com bastante sucesso” e  brevemente vão atingir os seus objectivos. “Entre estes pacientes , 50  já conseguiram ter filho neste ano que está a findar e os restantes estão ainda a fazer medicação e a serem acompanhados  pelos nossos especialistas”, informou.
 
Formação de Quadros
O director do Hospital Geral de Benguela  disse, por outro lado,  no domínio  formação de quadros, a instituição que dirige,  formou, este ano, com o  apoio do Gabinete Provincial da Saúde, quatro técnicos de oftalmologia, que já estão a prestar serviços em vários hospitais da cidade. No que toca aos quadros , a cidade de Benguela foi reforçada recentemente com mais quatro médicas pediátricas.
 
 Emergência médica
A sucursal do  Instituto Nacional de Emergências Médicas de Angola (INEMA), em Benguela , tem apenas uma viatura  equipada com todas as condições sanitárias para  os casos das pacientes que têm de ser evacuadas para a maternidade.

Tempo

Multimédia