Províncias

Trânsito mais fluido entre Cubal e Caimbambo

Maximiano Filipe | Benguela

A circulação rodoviária entre os municípios do Cubal e Caimbambo, na província de Benguela, está mais fluida, com a reposição da ponte sobre o rio que dá o nome à primeira das duas municipalidades.

Nova ponte metálica construída em sete meses vai permitir a ligação rodoviária que era esperada há anos entre os municípios de Benguela
Fotografia: Carlos Paulino|Cuando Cubango | Edições Novembro

Construída em sete meses, a ponte metálica possui 82 metros de cumprimento, cinco de largura e dispõe de uma capacidade para suportar 60 toneladas de peso. A infra-estrutura foi inaugurado no quadro das comemorações dos 49 anos da cidade do Cubal, assinalado na segunda-feira.  
A execução da ponte faz parte do Programa Integrado das acções subscritas no  desenvolvimento do município do Cubal, visando facilitar a livre circulação de pessoas e bens, assim como encurtar distâncias entre as comunidades dos dois municípios. A actual ponte substitui a anterior que foi destruída há 25 anos, durante o conflito armado, o que privou as comunidades do Cubal e arredores.
O governador provincial de Benguela, Isaac Maria dos Anjos,   fez o corte da fita da ponte metálica e inaugurou outros equipamentos sociais, como três cisternas de água potável, posto médico com capacidade para atender  nove mil pacientes.A unidade sanitária dispõe de serviços de pediatria, maternidade, consultas gerais, farmácia e vacinação.
O empreendimentos inaugurados constam do Programa de Combate à Fome e à Pobreza. No quadro das festividades do município do Cubal, o governante inaugurou ainda um   Centro Técnico e profissional, destinado as áreas de corte e costura, culinária, pastelaria, ornamentação, entre outros. A povoação de Bundiangolo, no município do Cubal, a comunidade ganhou uma escola com oito salas de aula, que vai absorver cerca de 560 alunos no presente ano lectivo. Isaac Maria dos Anjos fez a entrega de 210 concessões de terrenos   para a construção da casa própria, com base no plano geral do governo da província, que pretende melhorar a qualidade de vida das famílias. O administrador municipal do Cubal, Carlos Guardado,  disse que os empreendimentos postos à disposição da população respondem, de forma directa, as reais preocupações das comunidades, referindo que o Executivo tem procurador colocar os serviços úteis mais próximo do cidadão, como, por exemplo, escolas sistema de água e centros, e postos médicos.
Para o administrador municipal do Caimbambo, Jacinto Tomé Amaro,  a inauguração da ponte  constitui uma mais valia para as populações  das duas localidades . Acrescentou que o trânsito rodoviários e as trocas comerciais torna-se mais fácil, ao contrário do passado.
Jacinto Tomé Amaro disse que durante muito tempo algumas comunas do Cubal e Caimbambo, como os do   Tumbulu e Wiamgombe, ficaram incomunicáveis, dificultando de igual modo, o escoamento de produtos do campo entre os municípios.O município do Cubal ocupa uma extensão territorial de 4. 794 quilómetros quadrados e está localizado a 150 quilómetros a sul da sede da província de Benguela. A região tem mais de 287 mil habitantes e conta com três comunas, Tumbulo, Yambala e Capupa.

Tempo

Multimédia